Como escolher óleo ideal para caixa de marcha do caminhão?

caixa de marcha do caminhão

Existem óleos diferentes para cada parte do caminhão. Mas afinal, como escolher o óleo ideal para a caixa de marcha do caminhão? Essa é uma dúvida de muitos brasileiros, principalmente os que trabalham diariamente com esse tipo de veículo e precisam estar em dia com as suas manutenções.

Em veículos que fazem uso do combustível diesel é imprescindível que a troca do óleo seja feita no período certo e regularmente, pois ele é fundamental para a durabilidade e vida útil dos componentes das caminhonetas, caminhões de grande ou pequeno porte e outros veículos.

Quer saber mais sobre o tema para não errar na manutenção? Acompanhe as dicas e informações a seguir.

Veja por que é importante trocar o óleo

Seja em carro de pequeno porte ou em grande, como é o caso do caminhão, a troca de óleo é fundamental para evitar a corrosão e até mesmo a propagação de ruídos dentro do veículo.

De uma certa forma, o óleo tem a capacidade de lubrificar o interior do veículo e proporcionar uma melhor qualidade de vida ele, visto que, seu uso é fundamental.

Qual é a diferença do uso do óleo de motor para o da caixa de marcha?

Como dito anteriormente existem diversos tipos de óleo e locais diferentes onde eles devem ser colocados.

O óleo de motor é essencial e primordial para o bom funcionamento interno, uma vez que, eles lubrificam o seu interior.

Para ele existem dois tipos: o mineral e o sintético.

  • Mineral: faz uso apenas do petróleo, usado através do seu refinamento e sem nenhum composto químico nele. Seu custo benefício não é um dos melhores. Ele é barato, no entanto, promete entregar o mesmo que o seu valor; pouco.
  • Sintético: ele tem a mesma base do mineral, sendo, portanto, uma extração do refinamento do Petróleo. Porém, além disso, possui muitos aditivos químicos. Nesse caso, a durabilidade e funcionalidade aumentam. Isso faz com que ele tenha o melhor custo benefício atualmente.

Veja como escolher o óleo ideal para a caixa de marcha do caminhão

Como existe um universo infinito de marcas de caminhão e de óleos também, separamos para você logo abaixo dicas de algumas marcas e de óleos que podem ser usados para a caixa de marcha. Confira abaixo quais são eles.

Para alguns modelos das marcas:

  • Volkswagen, Ford e Hyundai, o óleo 75 w 90.
  • Fiat, Pegeout, Citroen e Renault, o indicado é o 75 w 80.
  • Para Chevrolet, indica-se o 75 w 85.
  • Toyota, até 2015, 80 w 90, antes disso, Lv 75 w.

Vale ressaltar que existem inúmeras outras diferenças que apenas um profissional competente pode analisar e dizer qual é o melhor para determinado modelo. Essas são apenas algumas sugestões que são recomendadas, mas não leve como únicas opções.

Saiba qual é o prazo ideal para a troca

Isso é muito subjetivo, pois depende da quantidade de carga que o caminhão carrega, da sua quilometragem e também do peso que ele suporta.

Em geral, é recomendado que a cada 6 meses seja feita uma análise no nível do óleo que tem na caixa de marcha e a cada 40 ou 60 mil km rodados indica-se a sua troca.

Existe a possibilidade de fazer a troca na sua casa, no entanto o ideal é que seja feito em uma concessionária competente para analisar não só o tanto de olho que seu caminhão precisa, como também, verificar outras necessidades que ele disponha e assim fazer a sua manutenção.

Com estas dicas sobre como escolher o óleo ideal para a caixa de marcha do caminhão é possível evitar muitos perrengues e resguardar a sua segurança e a de quem estiver com você.

Leia também: 5 dicas para economizar diesel no caminhão

Siga nosso Instagram: @copege.pecas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima